quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Aos jovens ( 1 João 2:14) ou Jesus: O assunto proibido


 Vivemos num tempo recheado de informação. Está com dúvidas? Vai na "internet", usa o google ( o grande oráculo digital)...Creio que estamos com mais acesso as informações do que capacidade para processá-las, e digo isso porque vejo uma multidão de pessoas alienadas perambulando por aí; pessoas que trabalham feito loucas e depois precisam ir para um bar para "aliviar" o stress, ou  então precisam se utilizar de algum medicamento controlado para ansiedade ou depressão. Precisam desesperadamente de diversão, de alegria, de qualquer coisa...que traga a sensação de prazer. Sim, se pesquisarem vão ver que o ritmo desenfreado em que estão levando a vida vai levá-las à morte. Se existe tanta informação sobre os efeitos das drogas por que tantos ainda se vão neste caminho? Se existe tantas informações sobre métodos anticoncepcionais porque tantas gravidez indesejadas? e tantos abortos mesmo sabendo dos riscos? Se todos sabem que bebidas alcoólicas e direção não combinam por que tantas mortes? As informações existem , mas não há capacidade, e em alguns casos, nem vontade para processá-las. A mente está parada, enferrujada, sem uso, sem capacidade de discernir o certo do errado. Pior ! vivem uma filosofia(maligna) de que não existe nem certo e nem errado, tudo são conveniências, TUDO É PERMITIDO.

O triste é ver que essa filosofia tem sido martelada na cabeça das crianças, dos adolescentes, dos jovens; através das redes sociais, das músicas, das programações nas emissoras de televisão, nos livros e até nas escolas...vemos nas propagandas de bebidas um público cada vez mais novo e sempre em festa, como se bebida fosse o caminho para a felicidade; temos músicas que não dizem nada com nada e recheadas de sensualidade e sugestão ao sexo, ou ainda melancólicas sobre amores perdidos; na televisão podemos ver novelas com enredos de traições, violência, crimes, drogas, sexo, mentiras e outros temas mais. e seriados de adolescentes onde os pais são ausentes e sem autoridade em relação aos filhos; os filhos não respeitam os pais e estão sempre em busca de namoricos, e ainda as escolas nestes seriados nunca são valorizadas, sempre são o cenário de brincadeiras, esportes, festas e, lógico, namoros, e a vida é completamente sem responsabilidade alguma; e os livros mais lidos entre jovens seguem um padrão muito parecido, só que mais complicado...

Estatísticas mostram que os  jovens estão lendo mais, mas essa, por incrível que pareça, não é boa notícia quando se analisa o conteúdo do que está sendo lido. Os livros que estão sendo lidos estão cheios de histórias tristes, melancólicas, macabras, cheias de trevas, com magias, relacionamentos com demônios (anjos caídos), deuses, mortes e rebeldia. Somente um assunto tem sido proibido para todos: Jesus Cristo!

A juventude pode ver tudo, saber tudo, fazer tudo, mas na desculpa de vivermos num país laico, Deus é um assunto impróprio inclusive no ambiente escolar. O jovem, a criança pode ver filme que haja demônios, morte e drogas, a escola pode sugerir, ou incentivar, leituras com tais conteúdos( afinal, são os livros mais vendidos), mas essa mesma escola NÃO PODE sugerir um livro que mostre Jesus Cristo como Salvador  da humanidade porque isso é considerado RELIGIÃO. A escola pode até falar de outras manifestações religiosas, pode desenvolver trabalhos com tais temas e tudo mais, tudo isso com o nome de estudo sobre as manifestações culturais...pode-se falar de santos e orixás,deuses pagãos, e até do diabo; mas falar que Jesus é Deus, falar que Ele morreu por nossos pecados; falar que Ele vive! Jamais! JESUS NÃO É CULTURA! Estas coisas só podem ser faladas na igreja, e olhe lá. Nem no ambiente de casa tais assuntos podem ocupar tanto tempo assim, pois creiam, tem muita gente que acha que Deus é coisa de gente velha, e que enquanto a pessoa é muito nova ela não deve se preocupar com Deus. Você fala para o indivíduo " Senhor Fulano, seu filho vem frequentando a célula, foi ao Encontro, e agora vamos ter o batismo. O senhor autoriza o batismo dele?" E o indivíduo responde: " Não! É muito cedo pra essas coisas..!." Esse mesmo indivíduo deixa a criança na rua até altas horas da noite sem saber ao certo onde ela está; esse mesmo indivíduo deixa a criança assistir qualquer programa na televisão, mesmo que tenha a advertência sobre a faixa etária; esse mesmo indivíduo leva a criança para um bar; esse mesmo indivíduo sabe que o tráfico de drogas recruta crianças e adolescentes, mas não procura saber quem são as amizades do filho; esse mesmo indivíduo que percebe que o mundo está cada vez mais perigoso, violento e incerto, só restringe o filho de ter um relacionamento maior com Jesus. Como pode isso acontecer com tanta informação?

Jesus Cristo é Salvação plena, não é mera filosofia, não é um conjunto de passos para uma vida melhor e saudável. Não é um mito! Ele é real! Não há salvação fora dele, mesmo que você não creia, Ele é ÚNICO caminho para o Pai(Deus). E ainda, sim, Jesus é uma revolução! Pois quem crê e confessa Jesus como Senhor e Salvador genuinamente, não mais buscará a paz nas drogas, ou nas bebidas; não vai viver de múltiplos relacionamentos; não viverá de mentiras e brigas; porém  vai desenvolver, sim, alegria, bondade, benignidade, domínio próprio...




Blogs que sigo

Participe !

Participe !

...........................

...........................
"Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno."( Efésios 6:16)

Sugestões de leitura

  • Célula uma planta a ser cultivada - Mauro Estival
  • Apocalipse sem mistérios - Aluízio A. Silva
  • Uma vida consagrada - Naor Pedroza
  • Avivamento que nasce da morte - Naor Pedroza
  • Heróis da fé - Orlando Boyer
  • O coração de Deus desvendado - Aluízio A. Silva
  • Manual do líder de célula de crianças e juvenis- Márcia S. Ribeiro
  • O Espírito Santo, meu companheiro - David Yonggi Cho
  • Realidade espiritual - Naor Pedroza
  • 11ª Questão - Gilies Stevens
  • Manual da Visão de Células - Aluísio A. Silva
  • Minha Identidade em Cristo - Naor Pedroza
  • Bíblia